A SUA LINHA DE NOTÍCIAS

Tecnologia do Blogger.

Arquivo do blog

TWITTER

FACEBOOK

Premier League Brasil

Siga-nos nas redes sociais

Popular Posts

Quem sou eu

CLASSIFICAÇÃO

domingo, 10 de maio de 2015

Nacional alcança a 15º(!) vitória seguida

Na noite deste domingo (10/05), o Nacional venceu o Penarol por 4x0 no estádio da Colina e já está classificado antecipadamente para as semifinais do Barezão. Diante de um bom público, a vitória veio com tranquilidade. A torcida está bastante empolgada com o time, e a ansiedade pela série D já começa a aumentar. Charles, novamente, foi o destaque. Esse menino é de ouro!

Andrezinho, Charles e Raílson. Fonte: Marcos Dantas
No 4-2-3-1, o Nacional propôs o jogo desde o começo da partida. A trinca de meias trocava constantemente de posição e confundia a marcação do time de Itacoatiara, que era individual por setor. Com um jogo vertical e objetivo, o time chegava fácil pelas laterais do campo e assim saiu o primeiro gol, pelos pés de Charles. Os laterais Andrezinho e Peter também apoiavam bastante, e como os meias do Penarol não acompanhavam, afrouxavam a marcação. O time do interior também veio no 4-2-3-1, porém em uma aplicação diferente. Os meias não voltavam pra marcar, deixando o meio campo do Penarol em inferioridade numérica, apenas com o triângulo de base baixa. Era uma espécie de 4-3-3 bastante espaçado. Com a compactação ofensiva do Nacional, foi difícil não aproveitar todos os espaços e falhas. Verçosa marcou dois, e Charles um (golaço) no primeiro tempo. O Penarol não ameaçou durante o primeiro tempo. Show de futebol do Leão, que marcava forte, tinha a posse de bola (e o controle da partida) e fazia a defesa adversária balançar.

Entretanto, na volta para o segundo tempo, a equipe voltou sem aquele ímpeto ofensivo, já que o resultado estava consolidado. O Penarol veio com uma proposta mais ofensiva, tentando fazer gols e diminuir a vantagem. A equipe de Itacoatiara começou a achar os espaços que queria, usando seus atacantes abertos. A defesa nacionalina pecava na recomposição, e passou a marcar mal, com isso o time adversário colocou duas bolas na trave e teve um gol anulado. Lana reoxigenou seu meio campo e colocou o time para se defender melhor. Até que no fim do jogo, Charles marcou o quarto em cruzamento de Hyantony, acabando qualquer reação do Penarol. Acabou assim a partida.

O Leão da Vila Municipal vai fazendo do estadual uns ''jogos-treino'' de luxo, já que Aderbal Lana vai rodando o elenco e experimentando peças. buscando um melhor entrosamento e testando opções. O torcedor nacionalino está criando uma expectativa enorme com essa sequência seguida de vitórias no estadual, e os jogadores deverão saber lidar com isso. 

Nacional: Rodrigo Ramos; Peter, Maurício Leal, Robinho e Andrezinho; Dênis e Felipe Manoel; Fininho (Bruno Potiguar), Railson (Weverton) e Charles; Thiago Verçosa (Hyantony)

Penarol: Pablo; Thompson, Maceió, Júnior e Rafael Vieira; Felipe Cristiano e Célio, Piúba (Junior Neymar), Leozinho (Mael) e Binho; Tety.

Por último:
#FicaCharles

Um abraço!

@Gabrielantony_ || Gabriel Antony 

Galo na estreia do BR15: foi ruim, mas está bom

Atlético e Palmeiras se enfrentaram ontem (9) no Alianz Parque pela primeira rodada do Brasileirão 2015. O Galo foi inteiro com o time reserva, com exceção de São Victor e pegou o até então, para muitos jornalistas iludidos de São Paulo, um dos candidatos ao título com o time titular.

Patric Atlético-MG (Foto: Reprodução/SporTV)
Fonte: reprodução/Sportv

Nada mudou?

(Foto: Flamengo)
Após duas semanas de treinamento intenso e sem jogos oficiais, a torcida flamenguista esperava, mesmo que lá no fundo, algo diferente. Depois da patética atuação na vitória contra o Icasa e de empatar com o Bragantino em um jogo treino – quando vencia por 2x0 e conseguiu levar dois gols por bobeira –, o elenco rubro-negro estava cercado por desconfiança.


Ainda sem Nixon e Samir, que estão completamente entregues ao departamento médico, Paulinho e Armero, que estão fora de forma, e Alecsandro, que pegou um resfriado e acabou nem treinando direito essa semana, Luxemburgo mudou algumas coisas para a partida contra o São Paulo. O aniversariante do dia trocou Arthur Maia por Almir e Canteros voltou ao time titular no lugar de Márcio Araújo.

PV fez milagre. (Foto: Flamengo)
Mesmo poupando alguns jogadores importantes, o São Paulo não aliviou. Focado na Libertadores (quarta-feira terá jogo contra o Cruzeiro), o time reserva dos paulistas foi pra cima e soube pressionar, conseguindo facilmente achar os vários espaços na defesa do Flamengo. Foram tantos buracos que Paulo Victor teve que fazer um milagre no final do primeiro tempo, quando defendeu com o pé um lance muito difícil.



O segundo tempo conseguiu ser pior ainda. Além de toda dificuldade para finalizar e criar que o Flamengo tinha o time ainda contou com mais burradas do sistema defensivo. O São Paulo teve uma chance incrível aos 16 minutos, mas Anderson Pico conseguiu tirar em cima da linha. Depois de tanto apanhar, o rubro-negro acabou cedendo e deixou Luis Fabiano completamente sozinho na área aos 28 minutos.

O time continuou jogando mal, ninguém se encontrou em campo e a desvantagem aumentou seis minutos depois com Alexandre Pato, que fez ótima jogada com Paulo Henrique Ganso e achou um enorme espaço no meio da defesa. Tentando reagir, o Flamengo foi pra cima e acabou conseguindo um pênalti depois que Ganso colocou a mão na bola. Everton bateu, enganou Ceni e marcou, mas já era tarde demais.


Por tudo que foi visto do Campeonato Carioca para cá, o rubro-negro carioca precisa tomar cuidado. A postura adotada pelos jogadores em campo e as opções erradas de Luxemburgo comprometeram e ainda comprometerão muito a equipe caso não sejam alteradas.

Acabou a brincadeira, Flamengo. Agora é pra valer.

Everton marcou o único gol do jogo. (Foto: Flamengo)

 FICHA TÉCNICA
SÃO PAULO 2x1 FLAMENGO

Local: Estádio Cícero Pompeu de Toledo (Morumbi), São Paulo
Cartões amarelos: Hudson e Ganso (São Paulo); Lucas Mugni (Flamengo)
Gols: Pato e Luis Fabiano (São Paulo); Everton (Flamengo)

SÃO PAULO: Ceni; P. Miranda, Lucão, Dória e Reinaldo; R. Caio, Souza e Hudson (Ganso) ; Wesley, Boschilia (Pato) e Luis Fabiano (Thiago Mendes).
Técnico: Milton Cruz


FLAMENGO: Paulo Victor; Pará, Bressan, Wallace, Jonas, Anderson Pico, H. Canteros (Eduardo da Silva), Almir (Mugni), Marcelo Cirino, Everton e Gabriel (Arthur Maia).
Técnico: Vanderlei Luxemburgo

Mariana Sá (@imastargirl)

De virada, Chapecoense vence Coritiba na estreia do Brasileirão

Chapecoense estreia com pé direito no Brasileirão 2015. (Foto: Cleberson Silva)
A Chapecoense após se manter na série A em 2014, repetiu a sua estreia no Brasileirão de 2015 jogando diante do Coritiba/PR. A partida realizada no sábado (09) na Arena Condá em Chapecó. A noite foi de comemorações, primeiro uma homenagem a todas mães e pelo aniversário da Associação Chapecoense de Futebol, que completa 42 anos neste domingo (10).

Dupla de ouro. Fabuloso e Pato brilham e São Paulo começa o Brasileirão com pé direito

São Paulo começa o Brasileirão com time misto e vitória. (saopaulofc.net)
Na primeira rodada do Brasileirão e homenageando as mães, o São Paulo recebeu o Flamengo. Tricolor apostou no time misto, poupando a maioria dos titulares para o jogo de volta contra o Cruzeiro, pelas oitavas na Libertadores. E mesmo assim, o mandante levou a vitória por 2 a 1.

A amarga estreia gremista no Brasileirão

Em jogo válido pela primeira rodada do Brasileirão 2015, o Grêmio estreou o novo horário de jogo, 11h, e empatou pelo placar de 3 a 3 com a Ponte Preta. Empate este, que teve um gostinho de derrota.
 

Foto: Ricardo Duarte/Agência RBS

Palmeiras faz esforço para perder e acaba empatando na estreia

O Palmeiras fez esforço para perder para os reservas do Atlético Mineiro, mas acabou empatando em 2x2 

O Palmeiras empatou com o Atlético-MG no Allianz Parque
(Foto: Cesar Greco/Ag Palmeiras/Divulgação)

Nesse sábado (9 de Maio) o Palmeiras jogou contra o Atlético-MG pelo Brasileirão 2015 no Allianz Parque e passou muito sufoco para empatar a partida. A equipe alviverde esteve atrás no placar duas vezes e empatou o jogo aos 49 do Segundo Tempo com gol de Rafael Marques, o próximo jogo do Palmeiras é terça-feira dia 12 de Maio contra o Sampaio Corrêa pela Copa do Brasil as 21h50. 


Com gol mal anulado, Paysandu perde na estreia.

Torcida do Paysandu recepcionando o time. (Foto: Fernando Torres/ASCOM Paysandu)
Ontem (9) o Paysandu entrou em campo para jogar contra o Botafogo, na primeira rodada da série B. A expectativa de começar com o pé direito o campeonato ficou para trás e o alviazul perdeu a primeira partida da competição.

Santa Cruz domina o jogo, mas quem não faz, leva

Em sua estreia na Série B 2015 do campeonato brasileiro, Santa Cruz perder por 2x0 do Macaé RJ, e lamenta as chances desperdiçadas.

jogo-santa
Jogo bastante disputado no interior do Rio de Janeiro
Foto: Jamil gomes / SCFC

Uma derrota que demonstrou a principal deficiência da equipe tricolor, o ataque, muitas oportunidades desperdiçados, vários erros seguidos de finalizações, que acabaram fazendo falta no final.
←  Anterior Proxima  → Inicio

Inscreva-se no canal LFTV

Curta nossa página no Facebook

Siga-nos no Twitter

Mais lidas da semana