A SUA LINHA DE NOTÍCIAS

Tecnologia do Blogger.

Arquivo do blog

TWITTER

FACEBOOK

Premier League Brasil

Siga-nos nas redes sociais

Popular Posts

Quem sou eu

CLASSIFICAÇÃO

terça-feira, 22 de setembro de 2015

Braga decreta oitava derrota seguida do Boa Esporte

O Bragantino fez a sua obrigação e bateu o fraco Boa Esporte por 2x1 em jogo válido pela 28ª rodada da Série B. O time mineiro chegou à expressiva marca de 8 derrotas consecutivas – a última vez que pontuou foi no empate diante do Atlético-GO, na 20ª rodada.

Se para o Boa Esporte a queda para a terceira divisão parece cada vez mais próxima (o clube já está oito ponto atrás do primeiro time fora do Z4), a vitória volta a animar o Bragantino para a briga pelo acesso, ainda que apenas como sonho. Com 42 pontos, a equipe paulista está a quatro pontos do grupo de acesso, diferença que pode voltar a ser de sete pontos até o próximo sábado.

Na próxima rodada o Massa Bruta tem jogo importante fora de casa contra o Santa Cruz. Essa partida pode ser vital para a equipe paulista mirar um difícil acesso. Caso perca deverá jogar o resto da competição praticamente sem grandes ambições. Já o Boa Esporte recebe o CRB e tenta encerrar a sequência negativa para buscar uma reação milagrosa na reta final.

Bragantino jogou mal, mas venceu o Boa Esporte. (Foto: Futebol Interior)

O JOGO

Sete derrotas seguidas afetam o emocional de qualquer time no mundo, principalmente quando o próximo jogo é fora de casa. Não se esperava outra postura do time mineiro que não uma retranca no começo de jogo para tentar encaixar um contra-ataque ocasional em Bragança Paulista. E foi exatamente o que aconteceu.

Os primeiros 15 minutos foram de total domínio do time da casa, apoiado por pouco mais de 5 mil pagantes – bom público para um time cuja média de torcedores costuma ser metade disso. Mesmo com muita posse de bola, o Massa Bruta tinha dificuldades de furar a defesa dos visitantes e conseguiu apenas uma jogada perigosa com chute de Alan Mineiro.

Aos 16 veio a resposta do Boa Esporte: em jogada aérea, Tadeu quase completou para o gol após cruzamento de Wendel. Pouco depois, aos 25, nova jogada perigosa de bola aérea que exigiu uma defesa muito difícil de Douglas.

Animado com os lances ofensivos, a equipe mineira subiu a marcação e equilibrou o jogo. As equipes passaram a ter muita dificuldade na armação e os goleiros pouco trabalharam. Até que aos 40, Gilberto abriu o placar para o Bragantino em cobrança de escanteio. 1x0.

Após o intervalo, o Boa Esporte voltou com proposta ofensiva com a entrada do atacante Erick Luis. Foi dele, aos 4 minutos, a jogada que quase resultou em um empate. O Braga respondeu aos 10 em jogada de Jobinho, mas sem perigo.

A partida passou a ficar arrastada com o Massa Bruta encolhido e o Boa Esporte precisando criar – algo que nitidamente não consegue fazer de maneira eficiente. E assim praticamente nenhum lance de emoção ou perigo ocorreu até os 26 minutos, quando o Braga acordou.

Aos 26, Alan Mineiro chutou de fora da área assustando o goleiro rival Douglas. Mas aos 28 não teve jeito: em outro escanteio, Bruno Correa desviou de costas para o gol e marcou o segundo dos alvinegros. 2x0 com dois gols de escanteio, lembrando os tempos de Marcelo Veiga.


A partida já parecia decidida quando Moacir descontou aos 42, também em lance de bola alçada na área. Os mineiros ensaiaram uma pressão, Douglas chegou a tentar a sorte em escanteio, porém nada que realmente assustasse a meta dos paulista que seguraram a vitória.
←  Anterior Proxima  → Inicio

Inscreva-se no canal LFTV

Curta nossa página no Facebook

Siga-nos no Twitter

Mais lidas da semana