A SUA LINHA DE NOTÍCIAS

Tecnologia do Blogger.

Arquivo do blog

TWITTER

FACEBOOK

Premier League Brasil

Siga-nos nas redes sociais

Popular Posts

Quem sou eu

CLASSIFICAÇÃO

segunda-feira, 28 de setembro de 2015

Robinho serve panetone com cobertura ao São Paulo e Palmeiras empata aos 47

Depois do golaço de Robinho, o tricolor paulista não deve mais pensar em colocar cobertura no Estádio do Morumbi. 

O meio de campo da equipe alviverde se demonstrou disposto
a ajudar na reforma do Morumbi.
(Foto: Palmeiras Mil Grau)

Nesse domingo (27), o Palmeiras visitou o São Paulo no Morumbi e empatou fora de casa. O clube alviverde jogou mal e foi o suficiente para empatar fora de casa. O gol do São Paulo saiu com Carlinhos aos 15 minutos do segundo tempo e o gol do Verdão saiu com Robinho aos 47 minutos. O próximo jogo do Palmeiras é contra o Inter, quarta-feira dia 30/09. 


E já não sei o que vou fazer

Para iniciar, explico que o título deste texto refere-se à música "a dois passos do paraíso". O Fortaleza venceu e convenceu o Águia de Marabá por 4 a 1 na noite de ontem. Com o empate entre ASA de Arapiraca e Vila Nova, o Leão terminou a primeira fase na liderança do grupo. O time paraense, por sua vez, sacramentou o rebaixamento para a Série D 2016.

Maranhão marcou três gols na vitória sobre o Águia de Marabá (Foto: Natinho Rodrigues/Agência Diário)
O Leão, agora, terá pela frente o Brasil de Pelotas. O clube do Rio Grande do Sul terminou a primeira fase com 29 pontos, assim como Juventude e Guarani, mas conquistou a classificação pelos critérios de desempate. Na última rodada da primeira fase, o Xavante bateu o Tupi-MG, fora de casa, por 2 a 0.

Muitos me perguntam sobre o Brasil de Pelotas. Na minha opinião, é um adversário perigoso. Clube exige respeito por sua tradição e também pelo fanatismo de sua torcida. É fato que a queda de produção na reta final fez com que o time fizesse apenas a quarta melhor campanha em seu grupo, mas creio em dois jogos muito difíceis.

Comparando aos anos em que chegamos ao mata-mata da Série C, essa é a primeira vez que o Fortaleza enfrenta um clube mais "prestigiado". Oeste e Macaé, sim, são dois clubes de respeito, mas, principalmente no fator arquibancada, não é possível compará-los ao Xavante.

Mais uma vez, estamos a dois passos do acesso. Esse texto tem apenas a finalidade de expor minha ansiedade e preocupação com o adversário e também com os jogos. Volto a ativar a coluna numa etapa importante do ano. Apenas espero que tudo dê certo no final.

"Estou a dois passos do paraíso. Talvez eu fique... Eu fique por lá"

#FechadoComOLeão

Rafael Alves - @rafaelalvessg_

Em manhã inspirada de Biro Biro, Ponte vence mais uma

Biro Biro brilha, Ponte bate Atlético fora de casa e engata a 4ª vitória seguida 


Mais uma vez a Ponte jogou as 11h neste Brasileirão, e a invencibilidade da Macaca em jogos neste horário continua, já que no último domingo pela manhã a Ponte foi a Curitiba e derrotou o Atlético Paranaense na Arena da Baixada. Foi a quarta vitória seguida no campeonato, fato esse que deixou a Ponte distante da zona (9 pontos) e perto do G4, apenas 5 pontos de distância pro Palmeiras, time que abre o grupo dos 4 primeiros.

O JOGO :

A Ponte sabia que jogar contra o Atlético na casa deles não seria tarefa fácil, por isso começou atrás, sabendo a hora certa de dar o bote. Logo aos 14 minutos da primeira etapa, Rodinei bateu o lateral pra dentro da área, Borges ganhou no corpo de 3 zagueiros, a bola ficou com Cristian que chutou em cima da defesa, na sobra Biro Biro pegou de primeira abrindo o placar pra Macaca.

Após o gol a Ponte voltou a jogar atrás, logo começou a tomar pressão do Atlético, e foi aos 28 minutos que o empate saiu. Sidcley cruzou da esquerda, Marcos Guilherme ajeitou de cabeça e Bruno Mota matou no peito e mandou pro fundo da rede, 1 a 1.

No segundo tempo o Atlético voltou atacando e tomando conta do jogo, assim como na primeira etapa, já a Ponte esperava os contra ataques. Um desses contra ataques acabou sendo fatal, aos 18 minutos Biro Biro pegou a bola na esquerda, invadiu a área e finalizou no canto de Weverton, deixando a Ponte novamente em vantagem.

Depois do segundo gol a Ponte se fechou inteira para segurar o placar, mas ainda teve uma chance claríssima para matar o jogo. Alexandro recebeu bom passe de Fernando Bob e mandou na medida para Borges, o atacante bateu de primeira e perdeu um gol incrível, deixando o jogo acabar com o placar de 2 a 1.


Com essa sequência embalada de vitórias, a Ponte chegou aos 40 pontos, na 9ª colocação. Voltando a campo Domingo, contra o Corinthians, no Moisés Lucarelli, as 16h.

Ficha Técnica:

Ponte Preta: Marcelo Lomba; Rodinei, Renato Chaves, Ferron e Gilson; Fernando Bob, Elton, Cristian (Alexandro) e Felipe Azevedo (Diego Oliveira); Biro Biro (Clayson) e Borges, T: Doriva
Atlético Paranaense: Weverton; Eduardo, Chistian Vilches, Kadu e Sidcley; Otávio, Bruno Mota, Hernani (Roberto) e Marcos Guilherme (Giovanni); Crysan e Ewandro (Ytalo, T: Milton Mendes

Data: 27/09/2015, domingo (11h)
Local: Arena da Baixada, Curitiba/PR
Árbitro: Sandro Meira Ricci (SC)
Cartões Amarelos: Felipe Azevedo, Fernando Bob, Biro Biro e Diego Oliveira (AAPP); Hernani e Eduardo (CAP)
Gols: Biro Biro {2} (Ponte Preta); Bruno Mota (Atlético Paranaense)
Texto de:  Luan Macedo /// Twitter: @Luan_AAPP


Duelo de TITÃS em Portugal


Após o ultimo jogo neste sábado (26), o Chelsea viaja até o Estádio do Dragão para defrontar o Porto pela segunda rodada da fase de grupos da Uefa Champions League. Se os torcedores do time Português levarem em consideração o desempenho de seu time na liga, é nítido que são os favoritos. A equipe de Mourinho está oscilando demais nesta temporada, entretanto teve um bom início na competição européia quando venceu o Maccabi por 4-0 em sua casa. O que esperar do time londrino nesta terça feira? Hazard voltará a brilhar? Fàbregas comandará o meio de campo? E a defesa? Quando irá apresentar uma melhora? São perguntas que somente os jogos irão nos responder, entretanto, existem torcedores que não aguentam mais ver o atual campeão da Premier League deste jeito.

Cadê o Flamengo que estava aqui?


A brilhante arrancada depois da chegada de Oswaldo de Oliveira deixou o torcedor rubro-negro esperançoso. Chegar ao G4, objetivo que parecia distante, lutar na parte de cima da tabela e conquistar seis vitórias seguidas gerou a falsa sensação de dever cumprido, e desta forma o time se acomodou.

Time do povo vence e se distancia do Z4


 Cruzeiro faz mais um jogo de seis pontos, com o objetivo de se distanciar da zona da confusão e na noite de ontem a Raposa foi superior em campo e com gols de Ceará e Willian, bateu o Coxa por 
       2 a 0.

Sobre o jogo :

 A equipe de Mano Menezes estava bem organizada em campo e soube fazer boas jogadas pelos lados que incomodava o adversário, a Raposa pressionou o Coxa em seu campo de defesa, fazendo trocas de passes que resultaram em possibilidades de abrir o placar na Toca III, sobre pressão o Coritiba se defendia bem, o que obrigava os jogadores cruzeirenses a valorizar a posse de bola e encontrar melhor oportunidade de finalizar ao gol.

 Apesar das melhores chances mineiras terem sido com Alisson e Willian, quem balançou as redes foi um lateral, e que GOLAÇO, aos 22 minutos em uma grande finalização de fora na área, o lateral direito Ceará acertou no ângulo do goleiro Wilson, um chute da intermediária que mereceu até replay.

 Após o gol a impressão era  que o time da casa mantivesse sua pressão, porém com desvantagem no resultado os paranaenses começaram a aparecer e aos 33 minutos em uma jogada individual de Raphael Lucas que driblou o zagueiro Manoel  e com a perna direita, chutou forte,para boa defesa de Fábio. 

 Já no fim da primeira etapa Paulo André cometeu falta em Guilherme Parede e de primeira ganhou o cartão vermelho, mesmo com um jogador a menos o Cruzeiro teve uma última chance de ir pro intervalo com ampla vantagem com o atacante Willian.

Segundo tempo :

  Para etapa final ambas equipes voltaram com alteração, a novidade na equipe estrelada era Grolli que atuou pela primeira vez  com a camisa cinco estrelas. 

  O mandante que estava com inferioridade numérica soube  reagir a pressão do Curitibanos, que almejava um empate ainda nos minutos iniciais e em cobrança de falta, Marcos Aurélio cobrou e a bola passou próxima a trave direita do camisa 01.


  A torcida celeste mais um fez deu um show e foi 11° jogador que faltava, e assim o” time do povo “ tirou forças onde não havia, empurrado pelo grito de milhares de torcedores apaixonados, e aos 20 minutos Willian aparece para aumentar a vantagem celeste,com cruzamento de Alisson  pela direita, Manoel fez pivô e “Bigode” finalizou para fazer o segundo gol do TetraCampeão.

  A resposta dos jogadores de Ney Franco veio aos 30 minutos, em chute de Thiago Galhardo que acertou o travessão, e aos 39 minutos, Juninho em disputa de bola deixou o braço no rosto de Fabiano e por critério de igualdade o árbitro expulsou. Até o final do jogo, o Maior de Minas apenas valorizou a vantagem adquirida na primeira etapa e desde modo somou mais três pontos disputados.



  O atual Bicampeão brasileiro está a 5 pontos do Z4 e a 9 pontos do G4 e pela primeira vez conquistou duas vitórias consecutivas sem levar gol, a Raposa tem a quinta melhor defesa do campeonato. A próxima luta dos cruzeirenses é o Grêmio que está na 3° colocação e em boa fase no brasileirão, a partida acontecerá no domingo ás 16hrs no Mineirão, ganhar dentro da própria casa é obrigação, ao contrário de alguns que apoiam o time na
série B, nos torcedores cruzeirenses apoiamos a permanência na elite do brasileirão.

                 @Paulinha_CEC                                  

FICHA TÉCNICA


CRUZEIRO 2 X 0 CORITIBA


Local: Mineirão, em Belo Horizonte (MG)


Data-hora: 27/9/2015 – às 18h30

Árbitro: Flávio Rodrigues de Souza (SP)
Assistentes: Cleriston Clay Barreto Rios (SE) e Fabiano da Silva Ramires (ES)

Cartão amarelo: João Paulo (Coritiba)


Cartão vermelho: Paulo André – 41’/1ºT (Cruzeiro); Juninho – 39’/2ºT (Coritiba)

Gols: Ceará – 21’/1ºT (1-0); Willian – 20’/2ºT (2-0)

Cruzeiro: Fábio; Ceará (Fabiano), Manoel, Paulo André e Fabricio; Henrique, Charles e Ariel Cabral; Willian (Júlio Baptista), Alisson e Allano (Douglas Grolli). Técnico: Mano Menezes.

Coritiba: Wilson, Leandro Silva (Evandro), Walisson Maia, Juninho e Carlinhos; João Paulo, Juan, Cáceres (Thiago Galhardo) e Esquerdinha (Marcos Aurélio), Rafhael Lucas e Guilherme Parede.

"Estou a dois passos do paraíso" Portuguesa 1x0 Tombense

Na tarde deste domingo (27), a Portuguesa venceu o Tombense pelo placar de 1 a 0, em jogo válido pela última rodada da fase de grupo da Série C. O resultado, somado com a derrota do Tupi para o Brasil de Pelotas, deu aos lusitanos além da vaga no mata-mata, o segundo lugar no grupo. Com a segunda colocação, a Lusa irá decidir a vaga na semis-finais em casa.

Anderson Luiz comemora a classificação com a torcida (Fotos: Dorival Rosa)
A Portuguesa, precisava ganhar de qualquer forma, apesar de entrar em campo classificada, os outros resultados que não podiam acontecer, vitória de Juventude, Brasil e Guarani aconteceram logo de cara, e o placar do empate em 0 a 0 que deu números finais ao primeiro tempo, fez com que a Lusa saísse da terceira, para a sexta colocação do Grupo B. Tudo bem que no primeiro tempo, a Lusa pouco fez para merecer estar à frente, apesar da maior posse de bola, o time não concluia a gol com efetividade. Hugo chegou a abrir o marcador, mas o auxiliar já assinalava posição irregular. Era preciso jogar a vida no segundo tempo. 

E foi nesse espírito que a Lusa jogou os 45 minutos da etapa final, uma blitz inicial pra cima da equipe mineira, buscando o gol a todo o momento. Claro que as vezes o contra-ataque ficava exposto, mas os atacantes do Tombense, pecavam nas finalizações a Rubro-verde era amplamente superior na partida, e o Tombense se segurava como podia, até que aos 33 do segundo tempo finalmente o gol salvador. Diego Gonçalves cruzou da esquerda, o goleiro Darley saiu errado e Julinho de cabeça colocou a bola nos fundos da rede. Festa da torcida lusitana que lotava o Canindé. A classificação da Lusa estava praticamente garantida, visto que o Tombense não tinha fôlego pra buscar o empate, e a Lusa perdeu a chance para fazer mais gols. 

Julinho (centro) comemora seu gol 
Agora, vocês podem me perguntar, por quê dois passos do paraíso? Restam apenas dois jogos para o acesso, os dois confrontos das quartas de final. Na série C, os times que chegam as semi-finais sobem para a Série B. Claro, que jogar a Série B, para alguns pode ser demérito, motivo de gozação, não para a Portuguesa. Estaremos num lugar que talvez estaríamos hoje, senão houvessem sacanagens da nossa própria diretoria, que nos traiu. E estamos voltando com dignidade a postular um lugar na Série B, voltar a ter mais renda, cotas de TV, mais visibilidade no cenário nacional. A Lusa decidirá a vaga com o Vila Nova, o primeiro jogo das quartas de final, será em Goiânia, contra o Vila Nova e o jogo que pode ser do acesso, no Canindé. As chances existem, a Portuguesa fará os dois jogos da vida. 

#VAMOSSUBIRLUSA #SomosTodosLusa

por Rodrigo Ferreira

Twitter: @eurodriferreira  
←  Anterior Proxima  → Inicio

Inscreva-se no canal LFTV

Curta nossa página no Facebook

Siga-nos no Twitter

Mais lidas da semana