A SUA LINHA DE NOTÍCIAS

Tecnologia do Blogger.

Arquivo do blog

TWITTER

FACEBOOK

Premier League Brasil

Siga-nos nas redes sociais

Popular Posts

Quem sou eu

CLASSIFICAÇÃO

segunda-feira, 25 de janeiro de 2016

Sampaio dribla gramado e retranca do Araioses para vencer a primeira do ano

Mesmo com um time bastante reformulado em relação ao que terminou a segundona, o Sampaio Corrêa venceu sem sustos em seu primeiro jogo oficial de 2016 por 2x0. É bem verdade que o modesto Araioses não impôs grandes dificuldades, mas estrear com vitória é sempre bom - especialmente com um campeonato de tiro curto como esse ano.

Com amplo domínio da bola desde o primeiro minuto, restava ao Sampaio converter em gols a diferença técnica que se apresentava em campo. Mais difícil do que driblar a zaga adversária foi enfrentar o irregular gramado do estádio Cardosão, que tornava ainda mais complicada cada jogada do time da capital.

Marcelo Chamusca fala sobre Sampaio em jogo no Cardosão em Araioses (MA) (Foto: Afonso Diniz / Globoesporte.com)
O treinador Marcelo Chamusca, estreante, reclamou bastante do gramado.
(Foto: Globo Esporte)
Apesar de muita posse de bola, foram poucas jogadas realmente perigosas nos primeiros quinze minutos de jogo. A retranca do time mandante, porém, durou apenas até os 21' do primeiro tempo: após cobrança de escanteio a bola sobrou limpa para Edgar encher o pé e abrir o marcador.

Sem dar tempo para uma recuperação do novato time do Araioses, fundado em 2013, a Bolívia Querida deu seu golpe fatal três minutos depois. Edgar fez boa jogada pela lateral e cruzou para Levi finalizar com perfeição. 2x0.

Levi comemora seu gol com Valderrama
Levi comemora o segundo gol da Bolívia Querida.
(Foto: Sampaio Corrêa)
Sem muitas dificuldades em segurar o adversário, o Tubarão apenas passou a administrar o jogo por todo primeiro tempo e durante a etapa final. As melhores chances continuaram sendo do Tricolor. Edgar, autor do primeiro gol, perdeu boa oportunidade de ampliar. Pouco depois foi a vez do estreante Fernando Santos desperdiçar o terceiro.

Sentindo o primeiro jogo da temporada, o Sampaio acabou tirando o pé nos minutos finais e controlando o fraco adversário sem sofrer sustos. Na outra partida do grupo, Moto Club e São José apenas empataram e deixaram a vantagem já na primeira rodada para a Bolívia Querida. O próximo jogo será na quarta, diante do São José, no estádio Castelão.

Jesus perde pênalti e Palmeiras é vice do torneio de verão do Uruguai

Na pré-temporada, a equipe alviverde perdeu a Copa Antel para o Nacional nos pênaltis. 

A equipe alviverde não saiu do zero com o Nacional e perdeu a Copa Antel
nos pênaltis. (Foto: Cesar Greco/Ag. Palmeiras)
Nesse sábado (23), o Palmeiras visitou o Nacional-URU no Estádio Centenário, em Montevideu. A equipe do treinador Marcelo Oliveira estava mal escalada e fez um jogo muito ruim, empatando em 0x0 e levando a partida para os pênaltis. Nas cobranças, o Verdão perdeu por 4x3 graças à burrice do treinador ao colocar um menino de 18 anos para bater enquanto tínhamos outros bons batedores. Além de escolher Dudu, que, como todos nós já percebemos (menos o técnico), não sabe bater pênalti.

O Palmeiras joga pela próxima vez no dia 31/01 contra o Botafogo-SP.

O JOGO

O Palmeiras começou pressionando o Nacional, mas, quando a equipe uruguaia se acertou, começou a causar problemas, principalmente no lado do Lucas, que esqueceu o futebol dele em São Paulo. A melhor chance da equipe de Marcelo Oliveira foi com Dudu, mas o goleiro Mejia pegou.

Com entradas mais fortes e faltas não marcadas pelo árbitro, houve discussão entre os times e expectativa por cenas lamentáveis vinda do torcedor, mas não deu em nada. Não se fazem mais discussões como antigamente.

O Palmeiras até criou chances com as entradas de Gabriel Jesus e Matheus Sales, mas a bola não chegava às redes. Sem gols, o Verdão se perdeu, levou sufoco e, graças à falta de pontaria do Nacional, o jogo foi para os pênaltis, porque se dependesse da zaga alviverde composta por Leandro Almeida e Edu Dracena, o time uruguaio teria vencido no tempo normal.

PÊNALTIS

Prass defendeu dois pênaltis e ainda fez o dele, mas os três erros do Verdão e, principalmente, a irresponsabilidade do treinador Marcelo Oliveira de colocar um menino de 18 anos para bater pênalti fizeram o time perder.

FICHA TÉCNICA
NACIONAL (URU) x PALMEIRAS

Local: Estádio Centenário, em Montevidéu (URU)
Data e horário: 23 de janeiro de 2016, sábado, 23h15 (de Brasília)
Árbitro: Esteban Ostojich (URU)
Assistentes: Miguel Nievas e Hebert Bogao (ambos do URU)

NACIONAL: Mejía; Eroza (Fucile), Gorga, Polenta, Olivera; Romero (Eguren), Garballo, Ramírez, Tabo (Barcia); Mascia (González)  e Lopez (Fernandez). Técnico: Gustavo Munúa.

PALMEIRAS: Fernando Prass; Lucas (João Pedro), Edu Dracena, Leandro Almeida e Zé Roberto; Arouca (Matheus Sales), Moisés; Robinho (Allione), Dudu e Erik (Rafael Marques); Alecsandro (Gabriel Jesus). Técnico: Marcelo Oliveira

Luigi Berzoini | @LuigiLouco999 | @linhadefuundo 

Em partida com baixo nível técnico, Ceará conquista três pontos


É inicio de temporada, claro. A condição física ainda não é a das melhores e as pernas cansam bem mais rápidas. Apesar de o Ceará ter tido uma boa pré-temporada, o time alvinegro entrou em campo ontem e, apesar de conquistar os três primeiros pontos diante do Tiradentes (1x0), não foi um espetáculo como alguns (acho que bem poucos) pensavam que seria.

O Jogo

É bem verdade que o Vozão dominou os 90 minutos, mas, sem qualidade no toque de bola e nas finalizações - isso quando não chutavam para fora -, o goleiro fazia algumas boas defesas. Ainda tem os erros de arbitragem, que já são "normais" no Campeonato Cearense. Primeiro com um pênalti em cima do Siloé, quando o jogador adversário o calçou por trás, mas a arbitragem mandou seguir. Depois com uma "voadora" que o goleiro deu em Jhonnatan, mas Almeida Filho não marcou nada (veja a foto abaixo).


O lance gerou revolta e discussão dos atletas alvinegros com o rival. Depois de algum tempo de confusão, Siloé e Marcel acabaram sendo expulsos.

No segundo tempo a dominação do time alvinegro continuou mesmo com a chuva. O gol saiu aos seis minutos, quando Alex Amado recebeu ótimo passe e chutou, colocado no canto esquerdo do goleiro. Depois o Ceará teve mais tranquilidade para trocar passes, mas sem afobação apesar dos pedidos do técnico Lisca.

Melhores Momentos:


O próximo confronto do time Alvinegro será quarta-feira, dia 27/01, contra o Guarani de Juazeiro, no PV.

CRB vence Murici pela estreia do Campeonato Alagoano

Ontem, no Estádio Rei Pelé, CRB e Murici se enfrentavam pela rodada de estreia do Campeonato Alagoano de 2016. O jogo foi bem movimentado, as equipes tinham o poder do jogo em certos momentos, mas o CRB foi mais eficiente e acabou saindo com a vitória.

O ataque titular do CRB na partida foi bem exigido no primeiro tempo e teve chances claras de gol. Lúcio Maranhão e Jonata fizeram um gol cada em jogadas aéreas e tiveram certa facilidade; ambos precisaram mostrar qualidades de bons centroavantes. O Murici, ainda no primeiro tempo, reagiu e marcou o único gol deles na partida, feito por Marcinho.


Olívio saiu no início do segundo tempo com um estiramento posterior na coxa esquerda e deixou o campo aplaudido para a entrada de Jussani. O mesmo, em uma cobrança de falta de longa distância, deu um belo chute e marcou o terceiro gol do CRB.

Bocão, que já havia contemplado Lúcio Maranhão com uma assistência, outra vez serviu os atacantes Regatianos, desta vez jogando para Marcelinho, que recebeu, deixou o marcador no chão e, com um toque leve no canto direito do goleiro, marcou o quarto gol do Galo no Rei Pelé.

Lúcio Maranhão foi muito importante no jogo, deixando os companheiros livres com ótimos passes, e foi dele a assistência para o último gol da partida, feito por Marcelinho. LM9, de calcanhar, tocou para Marcelo, que, já dentro da área, recebeu e chutou no canto esquerdo de Gil.

O destaque da partida foi Matheus Galdezani, segundo volante que soube sair bem para o jogo e marcou muito bem. Passes e desarmes eram frequentes e, com isso, foi bem elogiado pelos torcedores presentes no estádio.

O CRB volta a campo nesta quarta-feira, 27, contra o ASA em Arapiraca pela segunda rodada do Campeonato Alagoano de 2016.

Ficha Técnica:

Campeonato Alagoano 2016 - 1ª Rodada
Jogo: CRB 5 x 1 Murici
Gols: CRB - Lúcio Maranhão aos 4’ e Jonata aos 36' do 1T, Diego Jussani aos 23' e Marcelinho aos 27' e aos 45' do 2T ; Murici - Marcinho aos 45' do 1T
Local: Estádio Rei Pelé, Maceió-AL
Data: 24/01 (domingo)
Hora: 16h
Árbitro: José Ricardo Laranjeira (CBF/AL)
Auxiliar 1: Esdras Mariano de Lima (CBF/AL)
Auxiliar 2: Lennon McCartney Farias (CBF/AL)
CRB: Júlio Cesar, Bocão, Gabriel, Audálio, Gleidson Souza, Olívio, Matheus Galdezani, Diego, Flavinho, Lúcio Maranhão e Jonata. Técnico: Mazola Júnior
Murici: Gil, Tarcísio, Hítalo Rogério, Sinval, Jean, Nildo, Paulo Vitor, Edvaldo, Marcinho, Afonso e Alexsandro. Técnico: Humberto Santos

Veja os gols do CRB:


Guia do Campeonato Mineiro 2016

Neste mês, inicia-se oficialmente a temporada 2016 para vários clubes do Brasil. Em Minas Gerais não será diferente, já que, no próximo dia 31, será dado o pontapé inicial no Campeonato Mineiro 2016. A final está marcada para os dias 1 e 8 de maio. A competição, que chega a sua centésima segunda edição, é uma das mais importantes do país e manterá o regulamento dos anos anteriores.

Serão 12 equipes, sendo que cinco já conquistaram o título e um disputará a elite pela primeira vez. Tanto na parte de cima, quanto na parte de baixo da tabela, os clubes lutarão por diferentes objetivos e o campeonato promete ser bem disputado. Confira como chegam às equipes e a expectativa de cada uma na competição:


América Futebol Clube

Cidade: Belo Horizonte
Estádio: Raimundo Sampaio (Independência)
Melhor campanha: Campeão (15 títulos)
Campanha em 2015: 5ª colocação
Objetivo: Título

Recém-promovido à Série A do Campeonato Brasileiro, o América-MG chega motivado para a disputa do Campeonato Mineiro. Tendo conquistado a competição pela última vez em 2001, o clube tenta quebrar o jejum para voltar a comemorar o título estadual. Desde 2005 - quando o Ipatinga conquistou o título - não temos um campeão que não seja Cruzeiro ou Atlético-MG, e a equipe favorita a quebrar a hegemonia dos grandes é justamente o outro time de Belo Horizonte.

Planejamento e pré-temporada: Após uma ótima campanha na Série B, vários jogadores ganharam visibilidade e deixaram o América-MG. As principais baixas no elenco são Richarlison e Marcelo Toscano, sendo que o primeiro se tornou a venda mais cara da história do clube ao assinar com o Fluminense. Ao todo, dos titulares da última temporada, apenas três permaneceram. Com novidades, a equipe se apresentou no dia 5 de janeiro, e foram contratados 13 reforços. Nos dois jogos-treino realizados na pré-temporada, contra Minas Boca e Formiga, o coelho venceu ambos pelo placar mínimo. A estreia do América será no dia 31/01, contra o Tupi, em casa. Antes disso, o coelho enfrenta o Figueirense, no dia 28/01, pela Liga Sul-Minas-Rio ou Primeira Liga.
Associação Atlética Caldense

Cidade: Poços de Caldas
Estádio: Municipal Dr. Ronaldo Junqueira (Ronaldão)
Melhor campanha: Campeão (2002)
Campanha em 2015: Vice-campeão
Objetivo: Vaga na Série D

Em 2015 a Caldense ganhou repercussão nacional após campanha surpreendente no Campeonato Mineiro, chegando a final e dando trabalho para os grandes. Tal campanha, fez com que a equipe garantisse a classificação para a Série D do Campeonato Brasileiro no mesmo ano, quando quase conseguiu o acesso para a Série C. Nesta temporada, o time do sul do estado, tentará repetir a façanha no estadual anterior. Contudo, o objetivo principal será conseguir novamente uma vaga na Série D do Brasileirão.

Planejamento e pré-temporada: A Veterana, como é conhecida a equipe, apostou em montar um elenco cheio de jogadores experientes. Bastante diferente em relação ao time da última temporada, os jogadores iniciaram a preparação no dia 1º de dezembro. No mesmo mês, no primeiro teste da equipe, contra o Guarani de Campinas, a Caldense foi derrotada por 3 a 2. Depois de ter o jogo-treino contra o RB Brasil cancelado por causa das chuvas, a equipe enfrentou o Itapirense e venceu por 1 a 0. Contra Santo André e XV de Piracicaba, venceu por 2 a 1 e empatou em 0 a 0, respectivamente. A estreia da Caldense será no dia 31/01, contra o Boa Esporte, em casa.

Boa Esporte Clube

Cidade: Varginha
Estádio: Municipal Prefeito Dilzon Luiz de Melo (Melão)
Melhor campanha: 4ª colocação (2014)
Campanha em 2015: 7ª colocação
Objetivo: Classificação às semifinais

Após um ano decepcionante em 2015, o Boa Esporte tenta se reerguer nessa temporada. Com apenas 31 pontos e vice-lanterna no Campeonato Brasileiro da Série B, o clube foi rebaixado e disputará a Série C em 2016. Contudo, antes disso, a equipe disputa o Campeonato Mineiro. Diferente do estadual de 2014, quando o clube teve a sua melhor campanha da história, na última participação a equipe de Varginha foi bastante irregular e ficou de fora da semifinal.

Planejamento e pré-temporada: Com um elenco reformulado após o rebaixamento, a diretoria fez várias contratações, além de integrar alguns jogadores da base ao plantel principal. Apostando em jogadores jovens, o time tem uma das médias de idade mais baixas da competição, apenas 22 anos. A equipe foi uma das últimas, entre as do interior, a iniciar a pré-temporada. O calendário apertado por causa da disputa da Série B fez com que o Boa Esporte começasse a preparação apenas no dia 5 de janeiro. Nos jogos-treino contra a seleção de Nepomuceno e o Perdões - equipes amadoras -, venceu ambos por 3 a 0. Já no último jogo-treino, venceu o Formiga, por 1 a 0. A estreia do Boa Esporte será no dia 31/01, contra a Caldense, fora de casa.

Clube Atlético Mineiro

Cidade: Belo Horizonte
Estádio: Raimundo Sampaio (Independência)
Melhor campanha: Campeão (43 títulos)
Campanha em 2015: Campeão
Objetivo: Título

Maior vencedor na história da competição e um dos grandes do estado, o Atlético-MG sempre é um dos favoritos ao título, e nesta temporada não será diferente. Atual campeão, o Galo tentará defender o posto, podendo chegar a sua 44ª conquista. Para isso, terá que superar os seus rivais Cruzeiro e América-MG, principais concorrentes na luta pelo bicampeonato. Disputando outras duas competições simultâneas, a Libertadores e a Liga Sul-Minas-Rio, o clube prioriza o torneio continental.

Planejamento e pré-temporada: Após demitir Levir Culpi, a equipe inicia o estadual sob o comando do estrangeiro Diego Aguirre. Josué, Cárdenas, Emerson Conceição, Pedro Botelho e Danilo Pires deixaram o clube, porém, a base do time vice-campeão brasileiro foi mantida. A diretoria buscou contratações pontuais e Hyuri, Cazares e Erazo chegaram. Com a pré-temporada iniciada no dia 04/01, parte da preparação foi disputando a Flórida Cup, onde o Galo conquistou o primeiro título de 2016. As duas vitórias, contra Schalke 04 e Corinthians, serviram para mostrar que a equipe chega forte para a temporada. A estreia do Atlético-MG será no dia 31/01, contra o Uberlândia, fora de casa. Antes disso, o Galo enfrenta o Flamengo, no dia 27/01, pela Liga Sul-Minas-Rio ou Primeira Liga.

Clube Atlético Tricordiano

Cidade: Três Corações
Estádio: Elias Arbex
Melhor campanha: Nunca disputou a elite
Campanha em 2015: Vice-campeão do Módulo II
Objetivo: Se manter na elite

Com apenas nove anos de história, o Tricordiano disputará pela primeira vez o Módulo I do Campeonato Mineiro. Após conquistar o vice-campeonato do Módulo II, o clube fará com que a terra do Rei Pelé tenha um representante na elite do futebol mineiro 22 anos depois. Uma curiosidade importante é que o clube foi fundado em 2007 para substituir outro time de Três Corações. Desde então, a cidade os abraçou e hoje eles tem uma das melhores médias de público do interior, o que será fundamental para que o clube faça bonito na competição.

Planejamento e pré-temporada: O acesso inédito do Tricordiano fez com que a cidade e o clube se adequassem para cumprir todas as exigências da Federação Mineira de Futebol (FMF). Devido à reforma e ampliação do estádio Elias Arbex, a equipe de Três Corações optou por fazer a pré-temporada no município de Elói Mendes, também no sul do estado. Foram anunciados 29 reforços e, apenas três jogadores do elenco fizeram parte da campanha do acesso. A equipe realizou dois jogos-treino contra equipes amadoras de Varginha, vencendo um e empatando o outro. Após os dois primeiros testes, a diretoria demitiu Ney da Matta, que vinha preparando a equipe para a competição. Josué Teixeira assumiu o comando da equipe, e a primeira impressão do treinador foi boa, já que a equipe venceu por 5 a 0 o Arsenal de Venda Nova em um jogo-treino. A estreia do Tricordiano será no dia 31/01, contra o Guarani-MG, em casa.

Cruzeiro Esporte Clube

Cidade: Belo Horizonte
Estádio: Governador Magalhães Pinto (Mineirão)
Melhor campanha: Campeão (38 títulos)
Campanha em 2015: Eliminado nas semifinais
Objetivo: Título

Na última participação, o Cruzeiro acabou caindo precocemente, ficando de fora da final. Porém, nesse começo de ano as expectativas são boas, já que a equipe se recuperou no segundo semestre conseguindo uma das melhores campanhas no segundo turno do Brasileirão. Nesta temporada, já que o time não disputa a Libertadores, a pressão da torcida será ainda maior por uma boa campanha.

Planejamento e pré-temporada: Nesta temporada, o Cruzeiro contará com a maioria dos jogadores titulares do último Campeonato Brasileiro, com a exceção de Marquinhos e Willians - que foram envolvidos nas negociações por Fabrício e Marciel, respectivamente. Alguns reservas não tiveram o contrato renovado e outros saíram por empréstimo, porém, eram pouco utilizados e não devem fazer tanta falta. Foram contratados: Sanchez Miño, Bruno Nazário, Douglas Coutinho, Rafael Silva, Matías Pisano e Marciel. Além, claro, de Deivid que já havia sido anunciado como novo treinador. Com pré-temporada iniciada no dia 05/01, a equipe foi derrotada no primeiro jogo-treino, contra o Vila Nova-MG. Porém, no amistoso contra o Rio Branco-ES, o Cruzeiro se recuperou e venceu por 2 a 0. A estreia do Cruzeiro será no dia 31/01, contra o URT, em casa. Antes disso, a Raposa enfrenta o Criciúma, no dia 27/01, pela Liga Sul-Minas-Rio ou Primeira Liga.

Guarani Esporte Clube

Cidade: Divinópolis
Estádio: Waldemar Teixeira de Faria (Farião)
Melhor campanha: Vice-campeão (1961)
Campanha em 2015: 10º colocado
Objetivo: Se manter na elite

Desde 2013, quando ficou na 6ª colocação, o Bugre não faz uma campanha razoavelmente boa. Em 2015, pelo segundo ano consecutivo, o clube fez a pior campanha entre as equipes que se mantiveram na elite. Lutando contra o rebaixamento, escapando nas últimas rodadas, a equipe espera não passar pelo mesmo sufoco nessa temporada.

Planejamento e pré-temporada: A equipe optou em realizar parte da pré-temporada no interior de São Paulo, onde realizou quatro jogos-treinos. No primeiro deles, contra o Ituano, foi goleado por 4 a 1. Na sequência o Bugre seguiu sem vitórias, empatando com o Atlético Sorocaba, em 0 a 0, e perdendo para o São Bento, por 1 a 0. Por fim, contra o São Bento novamente, a equipe empatou em 0 a 0. A estreia do Guarani-MG será no dia 31/01, contra o Tricordiano, fora de casa.

Tombense Futebol Clube

Cidade: Tombos
Estádio: Antônio Guimarães de Almeida (Almeidão)
Melhor campanha: 3ª colocação (2013)
Campanha em 2015: Eliminado nas semifinais
Objetivo: Classificação às semifinais

Em 2016, pelo quarto ano consecutivo, o Gavião disputará o Módulo I. E o clube tem feito bonito no Campeonato Mineiro. Desde que conseguiu o acesso para a elite do estadual, em 2012, o Tombense tem dado trabalho na competição. Tendo chegado a semifinais duas vezes nos últimos três anos, a equipe buscará novamente uma classificação à segunda fase. Na última participação, a equipe de Tombos bateu na trave de chegar à final inédita, foi eliminada para a Caldense. Já na Série C, em 2015, a equipe não empolgou e se quer brigou por acesso, também não correu riscos de rebaixamento ficando no meio da tabela.

Planejamento e pré-temporada: Após a campanha razoável na Série C, a diretoria fez uma reformulação, poucos jogadores da temporada passada permaneceram. Em um torneio amistoso realizado em Muriaé, o Tombense perdeu para o Volta Redonda-RJ, por 3 a 1, e para o Nacional-MG, nos pênaltis, ficando em último no quadrangular. Na sequência perdeu outros dois jogos-treinos, contra o Democrata-MG e Atlético-ES, por 2 a 1 e 1 a 0, respectivamente. No último jogo-treino, enfrentou outra equipe capixaba e empatou com o Estrela do Norte-ES, por 0 a 0. A estreia do Tombense será no dia 31/01, contra o Villa Nova-MG, fora de casa.

Tupi Football Club

Cidade: Juiz de Fora
Estádio: Municipal Radialista Mário Helênio (Helenão)
Melhor campanha: Vice-campeão (1933)
Campanha em 2015: 9ª colocação
Objetivo: Classificação às semifinais

Após baixo rendimento no Campeonato Mineiro 2015, o Galo Carijó conseguiu feitos históricos na Copa do Brasil e no Campeonato Brasileiro da Série C, conquistando o acesso para a Série B na temporada passada. Contudo, no entanto, o clube tentará voltar a ser um dos protagonistas também em seu estado. Sem disputar as semifinais desde 2012, o objetivo da equipe será quebrar esse jejum.

Planejamento e pré-temporada: A diretoria manteve boa parte dos jogadores que conquistaram o acesso à Série B do Campeonato Brasileiro e a principal mudança em relação ao elenco de 2015, foi à saída do treinador Leston Júnior - que deixou o Tupi para assumir o Remo. Junior Lopes, técnico que levou o Tombense às semifinais na temporada passada, assumiu o comando da equipe. O novo comandante terá a missão de usar o estadual, para avaliar o elenco e preparar o Tupi para a disputa da Série B. Nos testes da pré-temporada, a equipe teve bom rendimento, vencendo todas. Nos jogos-treinos contra América do Progresso e Minas - equipes amadoras - venceu por 5 a 0 e 2 a 0, respectivamente. Contra o Tigres-RJ, em Xerém, venceu por 4 a 1. Por fim, venceu o Bonsucesso-RJ, 1 a 0. A estreia do Tupi será no dia 31/01, contra o América-MG, fora de casa.

Uberlândia Esporte Clube

Cidade: Uberlândia
Estádio: Municipal Parque do Sabiá
Melhor campanha: 3ª colocação (1968 e 1986)
Campanha em 2015: Campeão do Módulo II
Objetivo: Vaga na Série D

Depois da boa campanha, que garantiu o título do Módulo II em 2015, o Uberlândia está de volta à elite do futebol mineiro. Recentemente o clube firmou parcerias, que prometem viabilizarem o crescimento do clube, Wagner Ribeiro e Neymar (pai) estão entre alguns dos investidores. Sendo assim, o clube inicia o Campeonato Mineiro com ambição, almejando não apenas a permanência na elite, mas também uma vaga nas competições nacionais.

Planejamento e pré-temporada: O elenco se apresentou no dia 1º de dezembro. Já a pré-temporada foi bastante conturbada, a torcida fez protestos, após as derrotas nos jogos-treinos para Comercial, por 2 a 1, e duas vezes para o Itumbiara-GO, por 1 a 0. Na sequência, enfrentou a Patrocinense e o Botafogo-SP, onde venceu, por 3 a 1, e empatou por 2 a 2, respectivamente. A estreia do Uberlândia será no dia 31/01, contra o Atlético-MG, em casa.

União Recreativa Dos Trabalhadores (URT)

Cidade: Patos de Minas
Estádio: Zama Maciel
Melhor campanha: 3ª colocação (2005)
Campanha em 2015: 8ª colocação
Objetivo: Se manter na elite

Desde que conseguiu o acesso, em 2013, a URT vem sendo apenas coadjuvante na elite do futebol mineiro. As duas últimas participações do clube foram frustrantes, brigando e se salvando de ser rebaixado nas últimas rodadas. Nesta temporada a equipe tentará evitar, pelo terceiro ano consecutivo, o rebaixamento no estadual.

Planejamento e pré-temporada: A URT foi outro clube que trocou de técnico antes do início do campeonato, Edson Porto foi demitido junto com toda comissão técnica, ainda sob comando do ex-treinador a equipe foi derrotada para o Crac-GO, por 2 a 1, no primeiro jogo-treino. Com Ademir Fonseca, que foi contratado para comandar a equipe, a URT venceu o Uberaba, por 1 a 0, e perdeu o clássico contra o Mamoré, também por 1 a 0. A estreia do URT será no dia 31/01, contra o Cruzeiro, fora de casa.

Villa Nova Atlético Clube

Cidade: Nova Lima
Estádio: Municipal Castor Cifuentes
Melhor campanha: Campeão (5 títulos)
Campanha em 2015: 8ª colocação
Objetivo: Vaga na Série D

Sendo um dos mais tradicionais em seu estado, ficando atrás apenas dos clubes da capital em títulos estaduais, o Leão do Bonfim busca retomar os dias de glória. Porém, atualmente, o clube de Nova Lima está longe de repetir as conquistas das décadas de 30 e 50. Apesar da péssima campanha na Série D, sendo eliminado na 1ª fase em 2015, a equipe busca conseguir uma boa participação no Campeonato Mineiro para voltar a disputar a competição nacional.

Planejamento e pré-temporada: Com problemas financeiros, a diretoria buscou investidores, para montar o elenco. Mesclando vários conhecidos no futebol brasileiro e jovens que vieram das categorias de base, os jogadores se apresentaram no dia 1º de dezembro. Nos jogos-treinos realizados, a equipe conquistou bons resultados, vencendo Cruzeiro e Minas Boca, por 2 a 1 e 2 a 0, respectivamente. A estreia do Villa Nova-MG será no dia 31/01, contra o Tombense, em casa.

Regulamento
Inspirada na ''orelhuda'' da UCL, a taça será concedida ao Campeonato Mineiro 2016 (Foto: Divulgação/FMF)
Na primeira fase, serão 12 equipes participantes que se enfrentam em turno único. No fim das 11 rodadas, os quatro melhores classificados avançam para a semifinal com vantagem para os dois primeiros da fase de classificação. Nas semifinais, se enfrentam o 1º contra o 4º e o 2º contra o 3º colocado da primeira fase, em duas partidas por confronto. A final também será decidida em duas partidas. Os dois últimos da fase de classificação serão rebaixados para o Módulo II. A capacidade mínima dos estádios que ir receberam semifinal e final deve ser de 10.000 torcedores.

1ª rodada (31 de janeiro)
17h - Cruzeiro x URT – Mineirão
17h - Caldense x Boa Esporte –  Ronaldão
17h - Tricordiano x Guarani-MG –  Elias Arbex
17h - Villa Nova-MG x Tombense – Castor Cifruentes
19h30 - América-MG x Tupi-MG – Independência
19h30 - Uberlândia x Atlético-MG – Parque do Sábia

Clique aqui e confira a tabela divulgada pela Federação Mineira de Futebol (FMF).

Por: Marcelo Júnior || Twitter: @marcelinjrr
←  Anterior Proxima  → Inicio

Inscreva-se no canal LFTV

Curta nossa página no Facebook

Siga-nos no Twitter

Mais lidas da semana