A SUA LINHA DE NOTÍCIAS

Tecnologia do Blogger.

Arquivo do blog

TWITTER

FACEBOOK

Premier League Brasil

Siga-nos nas redes sociais

Popular Posts

Quem sou eu

CLASSIFICAÇÃO

terça-feira, 26 de janeiro de 2016

Guia do Campeonato Gaúcho 2016


Os dias obscuros da pré-temporada brasileira, onde o que menos se viu foi a bola rolando, finalmente estão chegando ao fim. No próximo dia 30, iniciam-se, em todo o Brasil, os Estaduais – amados por muitos e odiados por tantos outros. A verdade, porém, é que, mesmo aqueles que se posicionam contra os campeonatos estaduais, acabam, no fundo, ficando extremamente ansiosos para ver seu time de volta a campo, já que esta costuma ser a primeira oportunidade de contemplar uma partida de futebol nacional após um tempo de recessão que marca a transição de uma temporada para outra.

Um dos campeonatos estaduais mais tradicionais, o Gauchão, caracterizado por disputas bastante acirradas e jogos que mais parecem uma guerra, apesar de já não ter mais a mesma força de outrora, segue sendo um torneio importante, principalmente para as equipes do interior, que têm o Campeonato Gaúcho como uma das principais (senão a principal) competições em seu calendário anual, onde possuem a chance de vencer a dupla Gre-Nal, sonhar com o título, além de, para alguns, garantir vaga na Série D do Campeonato Brasileiro. Enquanto Grêmio e Internacional mantém a visão de que o Gauchão é uma espécie de laboratório para o restante da temporada.

A edição do Gauchão de 2016 conta com 14 equipes. A disputa é dividida em duas fases. Na primeira, todas as equipes se enfrentam em um turno único, de pontos corridos. Oito times se classificam para a segunda fase, e os três piores colocados estarão rebaixados para a segunda divisão gaúcha. Os classificados da primeira fase duelam na fase de quartas de final, em jogo único, e, posteriormente, na semifinal, com jogos de ida e volta. A final também será disputada em dois jogos, e tem data marcada: dias 1º e 8 de maio.

PRIMEIRA RODADA:
Sábado, 30 de janeiro de 2016
Juventude x São Paulo-RS – Alfredo Jaconi (18h)
Glória x Veranópolis – Altos da Glória (18h)
Domingo, 31 de janeiro de 2016
Brasil de Pelotas x Grêmio – Centenário (17h)
Novo Hamburgo x Cruzeiro-RS – Estádio do Vale (18h)
Passo Fundo x São José – Vermelhão da Serra (18h)
Internacional x Ypiranga – Beira-Rio (19h30min)
Domingo, 7 de fevereiro de 2016
Aimoré x Lajeadense – Cristo Rei (18h)


O atual campeão, Internacional, já levantou o caneco 44 vezes. O Grêmio vem logo em seguida, com 36 títulos estaduais.  A última vez que uma equipe do interior ficou com a taça, foi no ano 2000, com o Caxias – que hoje nem se encontra mais na elite do futebol gaúcho.

Conseguirá o Inter seu 6º título seguido? O Grêmio acabará com a atual hegemonia colorada? Ou será uma equipe do interior que irá triunfar em 2016? Quem serão os três rebaixados? Quais as surpresas? E as decepções? O Linha de Fundo preparou um guia especial, trazendo os destaques de cada uma das 14 equipes, que poderá dar pistas para as respostas dessas perguntas.

AIMORÉ
Campanha em 2015: 12º colocado
Estádio: Cristo Rei
Cidade: São Leopoldo
Técnico: Abel Ribeiro

O principal objetivo do Índio Capilé em 2016 é superar a campanha de 12º colocado, que não levou a equipe a lugar nenhum, na temporada passada. Para isso, conta principalmente com o goleiro Alessandro, que tem passagem pelo Vasco do Gama, e o atacante Diego Viana, com experiência de oito anos no futebol europeu. Ademais, diversos atletas campeões da Copa FGF sub-19 pelo Aimoré em 2015 passaram a integrar o elenco que disputa o Gauchão e prometem ajudar a equipe a fazer um bom campeonato. 

BRASIL DE PELOTAS
Campanha em 2015: Eliminado na semifinal
Estádio: Bento Freitas
Cidade: Pelotas
Técnico: Rogério Zimmermann

O Xavante manteve a base do time que conseguiu o acesso à Série B do Campeonato Brasileiro e da excelente campanha no Campeonato Gaúcho. O grande reforço foi à renovação do técnico Rogério Zimmermann, que era observado por clubes da Série A. No último jogo treino contra o São Paulo, o destaque foi o meia Diogo Oliveira, que inclusive marcou o gol da vitória.

CRUZEIRO-RS
Campanha em 2015: Eliminado nas quartas de final
Estádio: Vieirão (emprestado pelo Cerâmica de Gravataí)
Cidade: Cachoeirinha
Técnico: Luis Antônio Zaluar

O Cruzeirinho (que era de Porto Alegre, agora está construindo sua nova arena em Cachoeirinha, região metropolitana de Porto Alegre) trouxe de volta o técnico Zaluar, que teve uma passagem apagada pelo Caxias. Contou ainda com as contratações de Jorge Araujo, um angolano português já convocado para a seleção angolana; Bajsic (América/RJ), Andrey (Grêmio) e Caion (Caxias). Zaluar espera repetir a boa campanha do ano passado, onde perdeu para o Inter apenas nos pênaltis.

GLÓRIA
Campanha em 2015: Campeão Divisão de Acesso
Estádio: Altos da Glória
Cidade: Vacaria
Técnico: Clemer

Campeão da Divisão de Acesso em 2015, à equipe do Glória volta à elite do futebol gaúcho depois de oito anos. Para disputar o Gauchão, um pacotão de reforços foi anunciado, incluindo atletas que disputaram as séries B, C e D do Campeonato Brasileiro, e outros que estavam ociosos. No entanto, a principal contratação do clube foi, sem sombra de dúvidas, o técnico Clemer. Multicampeão com a equipe do Inter como jogador, o agora comandante do Glória busca realizar um trabalho que dê resultados a médio/longo prazo, sendo, atualmente, o principal objetivo permanecer na 1ª divisão do futebol gaúcho.

GRÊMIO
Campanha em 2015: Vice-Campeão
Estádio: Arena do Grêmio.
Cidade: Porto Alegre
Técnico: Roger Machado

O principal trunfo gremista para esse início de temporada será a manutenção do elenco. O Grêmio deste ano começa já com entrosamento, o que pode fazer uma diferença tremenda. Em relação ao time que terminou as competições oficiais de 2015, apenas duas posições serão alteradas: Galhardo e Erazo deixaram a equipe. Apesar disso, é provável que grande parte da competição seja disputada pelo time reserva, já que, paralelamente, haverá também duelos pela Libertadores da América. O grande objetivo da equipe é voltar a conquistar o título gaúcho, o que aconteceu pela última vez em 2010.

INTERNACIONAL
Campanha em 2015: Campeão
Estádio: Beira Rio
Cidade: Porto Alegre
Técnico: Argel Fucks

O Internacional começa o ano com a sua base do time mantida, o time tem alguns desfalques ainda do ano passado, porém a direção correu atrás e conseguiu trazer novos reforços que o treinador Argel pediu. O time tem um esquema tático novo, vem jogando com um 4-4-2 muito rápido e de combate intenso, com as duas primeiras linhas bem avançadas e os dois atacantes flautando na pequena área. O Inter tem com objetivo ganhar o hexacampeonato seguido e com isso tem como foco total o Gauchão, deixando como segundo plano a Primeira Liga. 

JUVENTUDE
Campanha em 2015: Eliminado na semifinal
Estádio: Alfredo Jaconi
Cidade: Caxias do Sul
Técnico: Antônio Carlos Zago

O Papo conquistou o “Quadrangular da Longevidade”, um torneio de pré-temporada em Veranópolis, além de vencer o Avaí em Gramado, fazendo uma excelente pré-temporada, preparando o time para o Gauchão. Zago recebeu reforços importantes, tais como o zagueiro Ruan (Guaratinguetá/SP), o lateral esquerdo Pará (Joinville/SC). O técnico quer voos mais altos no campeonato, brigando pelo título.

LAJEADENSE
Campanha em 2015: Eliminado nas quartas de final
Estádio: Arena AlviAzul
Cidade: Lajeado
Técnico: Rodrigo Carpegiani

Após quase conseguir o acesso a Série C do Campeonato Brasileiro, o Lajeadense reformulou todo time e comissão técnica, já que Luis Carlos Winck aceitou uma proposta do Veranópolis, irá apostar no goleiro Lauro, que teve passagem pelo Internacional, sendo a maior contratação. Ainda foram contratados os atacantes: Murilo (Macaé/RJ), Erik (Grêmio) e Vandinho (Brasil de Farroupilha).

NOVO HAMBURGO
Campanha em 2015: Eliminado nas quartas de final.
Estádio: Estádio do Vale
Cidade: Novo Hamburgo
Técnico: Gerson Gusmão

Nada de reforços de peso e de nomes conhecidos do torcedor, o Novo Hamburgo começa o Gauchão 2016 com uma reformulação financeira e tem como objetivo a permanecia na elite do futebol gaúcho. O clube passa por grave crise financeira e a direção pretende sanar as dividas, com isso tem uma base de time modesta e com poucos investimentos e com um treinador emergente. 

PASSO FUNDO
Campanha em 2015: 9º Colocado
Estádio: Vermelhão da Serra.
Cidade: Passo Fundo
Técnico: Ben-Hur Pereira

Pelo quarto ano consecutivo na elite gaúcha, o Passo Fundo sonha alto em 2016. O presidente Selvino Ferrão vê o clube maduro, estruturado e pronto para alçar voos maiores, quem sabe na Série D do Brasileirão. O planejamento para o Gauchão 2016 começou há mais de cinco meses: o técnico foi contratado ainda em agosto do ano passado e um mês depois o grupo já estava praticamente fechado. Destaque para o Jogador Souza, que teve passagem por São Paulo e Grêmio.

SÃO JOSÉ
Campanha em 2015: 11º colocado
Estádio: Passo D'areia.
Cidade: Porto Alegre
Técnico: Thiago Gomes Pacheco

Diretoria do São José está iniciando o Gauchão com poucas contratações e com certa cautela, clube passa por uma reformulação na direção e está controlando gastos e investindo na base do clube. Apenas um contratado foi manchete, o meia Diego Torres, que ajudou o clube a conquistar a Super Copa Gaucha 2015, voltou para Porto Alegre e disse: "É cedo para alguma projeção, mas ficar entre os 8 é obrigação para o Zequinha". O time da capital procura conseguir vaga para a Série D do Brasileirão, a fim de aumentar sua renda.

SÃO PAULO-RS
Campanha em 2015: 11º colocado
Estádio: Aldo Dapuzzo
Cidade: Rio Grande
Técnico: Hélio Vieira

Após uma campanha mediana em 2015 e mudando três vezes de técnico, Hélio Vieira espera uma estabilidade da equipe para conseguir ficar entre os oito melhores, mas o primeiro objetivo do São Paulo é não ser rebaixado. Tendo feito amistosos contra Cruzeiro (1x1) e Aimoré (0x0). Contou com reforços como o meia Athos (Brasil de Pelotas), o lateral Raulen (Ypiranga), o atacante Cidinho (São Luiz) e o lateral Romano (San Marcos/Chile).

VERANÓPOLIS
Campanha em 2015: 10º colocado
Estádio: Antonio David Faria.
Cidade: Veranópolis
Técnico: Luis Carlos Winck

Segundo o presidente, Gilberto Generosi, o objetivo da equipe é fazer uma boa campanha do Campeonato Gaúcho e garantir uma vaga na Série D do Campeonato Brasileiro. Dessa forma, o futebol profissional estaria em movimento durante todo o ano. Dentro de campo, a equipe confirmou a contratação do treinador Luís Carlos Winck para comandar o clube no Gauchão e apresentou o lateral esquerdo Lúcio, que jogou no Grêmio e se mostrou muito empolgado para enfrentar a dupla Grenal.

YPIRANGA
Campanha em 2015: Eliminado nas quartas de final
Estádio: Colosso da Lagoa
Cidade: Erechim
Técnico: Leocir Dall'Astra

O técnico Leocir Dall’Astra vai para a quinta temporada no comando do time de Erechim. A confiança depositada no treinador é fruto dos grandes resultados que a equipe vem alcançando nos últimos anos. Em 2015, além de chegar as quartas de final do Gauchão, conseguiu uma vaga na Série C do Campeonato Brasileiro. Para repetir o feito do ano passado no Estadual, ou até mesmo ir mais longe, o Ypiranga trouxe reforços, como o meia atacante Danilo Caçador (São Bento/SP), o zagueiro Negretti (Águia de Marabá) e o atacante Tulio Rennan  (Campinense PB).

Henrique Charão | @ocharao 
Ismael Schonardie | @ismahsantos
Janaína Wille | @janainawille
←  Anterior Proxima  → Inicio

Inscreva-se no canal LFTV

Curta nossa página no Facebook

Siga-nos no Twitter

Mais lidas da semana