A SUA LINHA DE NOTÍCIAS

Tecnologia do Blogger.

Arquivo do blog

TWITTER

FACEBOOK

Premier League Brasil

Siga-nos nas redes sociais

Popular Posts

Quem sou eu

CLASSIFICAÇÃO

quarta-feira, 2 de março de 2016

Análise de elenco após América e CRB

América e CRB se enfrentaram em jogo válido pela 4ª rodada da fase de grupos da Copa do Nordeste. O Galo precisava de uma vitória pra antecipar sua classificação, já o Mecão, precisava da vitória para voltar ao grupo de classificação para a próxima fase. Com a derrota, o Regatas ficou em 3º lugar no grupo, mas a diferença dos líderes para o CRB, é de apenas um ponto, ou seja, nada está perdido.


Análise de elenco

Existe uma possibilidade bem real, de serem anunciados dois nomes amanhã pela diretoria do CRB. Trata-se de um meia que virá para usar a camisa 10, e outro que jogará na ponta esquerda, ou seja, um atacante de velocidade que também poderá ser usado em um possível 4-4-2 ou algo do tipo que esteja relacionado a atuar com dois atacantes, um rápido e driblador, o outro finalizador. Nomes são especulados, mas nada de oficial. Caso os nomes sejam divulgados nesta quinta-feira, nossa equipe irá trazer os dados dos atletas contratados.

A torcida pede dispensa de alguns jogadores. Hoje foi confirmada a saída do atacante Marcelinho, o atleta pediu desligamento ao clube, e irá defender o Guarani de Campinas. Flavinho deverá seguir o mesmo caminho, sem oportunidades, e com a chegada de mais um jogador que atua nas beiradas do campo, Flavinho deverá ficar como quarta opção na posição, perdendo a vaga para Érico Júnior, o destaque da base, Luidy, está sendo bem aproveitado, e só faz receber elogios da torcida.

Os seguintes jogadores estão sendo mal questionados pela torcida: Gleidson (lateral); Glaydson (volante); Gabriel (zagueiro); Flavinho (meia/ponta). A diretoria deve segurar Gleidson, por não ter mais opções na lateral esquerda, sendo que Diego seria o único na posição, caso Gleidson deixasse a equipe. Já Glaydson e Flavinho, podem ser os primeiros a dar adeus ao CRB, Glaydson terá de concorrer com: Rivaldo, Olívio, Somália e Matheus Galdezani na posição. E Flavinho terá de concorrer com o novo contratado que pode ser anunciado amanhã, Luidy e Érico Júnior.

Com base no elenco atual (sem as futuras contratações/dispensas), foi criado um possível desenho do CRB no aplicativo "LINEUP11" a partir dos próximos jogos, confira na imagem abaixo:

                 

Técnico Geninho terá o retorno do zagueiro Gustavo Bastos para o returno do Estadual

Foto: Assessoria de Comunicação / ABC F.C
Na tarde de terça-feira (1), o técnico Geninho ganhou um reforço para a defesa do ABC: o zagueiro Gustavo Bastos, recuperado de uma lesão no adutor da coxa esquerda, foi liberado pelo departamento médico e ficará a disposição do comandante do Mais Querido para a sequência da temporada. O atleta lamenta ter ficado de fora da reta final do primeiro turno do Campeonato Potiguar e dos primeiros jogos da Copa do Nordeste.

- Fico feliz por poder voltar a jogar, mas foi difícil ficar de fora, não poder ajudar meus companheiros durante os treinos e nos jogos. Estou confiante e preparado para esse segundo turno, pois só nós jogadores podemos fazer o ABC dar a volta por cima e, é claro, contando com o apoio do torcedor, completa o zagueiro alvinegro.

O América, principal rival, conquistou o primeiro turno, enquanto o ABC terminou em 6º lugar na tabela. Agora, o returno é o grande objetivo dos jogadores.

- Nós vamos buscar esse título do segundo turno. O América foi feliz em conquistar o primeiro, queremos fazer a final do Estadual com eles, vamos trabalhar pra isso, garante o jogador.

Com a volta para os treinos, o zagueiro Gustavo Bastos aproveitou para conhecer melhor o novo técnico do clube, pois antes da lesão, Narciso ainda era o técnico do ABC. Geninho chegou a Natal no dia 22 de fevereiro.

- Por estar fazendo o trabalho de transição com os fisioterapeutas e com os preparadores físicos eu tive pouco contato com ele. Hoje que eu pude conhecer um pouco mais do trabalho do professor Geninho e sei que ele tem muito a acrescentar tanto para o meu futebol quanto para o clube, comemora.

O ABC volta a campo no domingo (6), às 19h, diante do Palmeira, no Nazarenão. 

Aquecimento Olímpico: Vela – entrevista com Samuel Gonçalves

Paixão a primeira velejada

Aos 13 anos, Samuel Gonçalves conheceu a Vela através de uma palestra dos professores do Projeto Grael na escola em que estudava em Niterói. O jovem, que tinha o mar como diversão nas idas à praia ou para relaxar quando pescava, encantou-se pela possibilidade de flutuar sobre aquela imensidão azul. Depois da primeira aula, Samuel velejou e encarou grandes mares, como na conquista do Campeonato Mundial de Vela de 2015 na Argentina.

O Projeto Grael, um programa social que desde 1998 oferece aos jovens uma oportunidade educacional e de socialização através de uma experiência náutica, tem extrema importância no crescimento profissional e pessoal do velejador campeão mundial Samuel. As novas experiências o mostraram outros horizontes. O menino que começou a conduzir as embarcações a vela na praia de Charitas, onde hoje está alocada a estação das barcas do estado do Rio de Janeiro, não imaginava que um dia velejaria ao lado do grande campeão Lars Grael.

Samuel Gonçalves e Lars Grael. (Foto: Fred Hoffmann/Arquivo pessoal)
Até agora, depois de alguns meses, ainda não sei o tamanho do significado de ter ganhado um Campeonato Mundial da Classe Star. Fico pensando que para o Lars, que já é um velejador consagrado foi um feito inédito, o que será para mim? Essa classe foi criada em 1911 e até 2015 apenas cinco títulos mundiais brasileiros, como Robert Scheidt e Torben Grael, e agora eu posso fazer parte desta história ao lado do Lars... ainda não sei expressar como é grande minha alegria e satisfação", Samuel tenta colocar em palavras toda emoção de ser campeão Mundial da Classe Star de 2015 ao lado de seu ídolo Lars Grael.

Tão impulsionados pela alegria desta conquista, o título mais alto desta categoria, a Classe Star, não faz mais parte do programa olímpico. Assim, a dupla, filho e padrinho do Projeto Grael, não poderá participar dos Jogos de 2016. O Conselho da Federação Internacional de Vela decidiu retirá-la do calendário.

Com certeza, a classe Star fará falta, poderíamos dizer que era uma medalha garantida. Pois se fizermos uma retrospectiva, esta sempre foi certeza de pódio para o Brasil na Olimpíada”, triste Samuel lamenta a ausência da Classe Star que soma seis medalhas olímpicas no quadro brasileiro.


O velejador campeão mundial da Classe Star exalta a importância de ser o país sede, pois o Brasil terá representantes em todas as classes da Vela: “Pode-se investir em qualidade de todos os velejadores para conseguirmos achar o melhor representante para participar dos Jogos. Dessa maneira, o esporte cresce como um todo no país, porém, ainda precisamos de mais estrutura e investimento nas bases e nas escolas”.

Assim, é necessário pensar nos Jogos Olímpicos e o legado desses para população. O Brasil está se preparando para um grande evento do esporte, mas não cumprirá com todas as promessas. Uma delas seria a despoluição total da Baía de Guanabara, águas das regatas da Vela. Para o velejador Samuel, o tratamento da Baía de Guanabara é um assunto que deve permanecer em destaque além dos Jogos, pois é uma questão de saúde pública e educação. Por outro lado, o campeão Mundial acredita que a região da Marina da Glória, espaço destinado a Vela, atenderá aos requisitos solicitados para a realização da competição durante a Olimpíada do Rio de Janeiro.

Com carinho, Cássia Moura (@cassinha_moura)

Agradecimentos: Samuel Gonçalves, Ronald Ricardo Gomes e Nymue de Medeiros.
←  Anterior Proxima  → Inicio

Inscreva-se no canal LFTV

Curta nossa página no Facebook

Siga-nos no Twitter

Mais lidas da semana